Casa Sobre a Rocha – Evidencias Bíblicas de que Jesus é o Único Deus

Evidencias Bíblicas de que Jesus é o Único Deus

Hoje vamos estudar as evidencias bíblicas de que Jesus é o único Deus. 

1João 5:20-21 Também sabemos que o Filho de Deus é vindo e nos tem dado entendimento para reconhecermos o verdadeiro; e estamos no verdadeiro, em seu Filho, Jesus Cristo. Este é o verdadeiro Deus e a vida eterna. Filhinhos, guardai-vos dos ídolos. 

 

Já se passaram quase 2016 anos da historia do cristianismo e o inimigo das nossas almas gerou uma confusão teológica que impede o povo de Deus de entender o que é a coluna vertebral do cristianismo.  Estamos no ano 2016 da era de Cristo. E vamos imaginar que Cristo não é um Deus único, mas é apenas parte de uma divindade. Isto é uma confusão teológica.

Então, temos ensinado que Cristo é Deus.  Quando se fala do Pai, do Filho e do Espírito Santo, estamos falando de um único Deus. Estamos falando do mistério da piedade. O mistério da cristandade é você entender que o único Deus se manifestou de forma triúnica. Nós não servimos a 3 deuses, não somos politeístas. Somos diferentes das religiões, porque temos o caminho, a verdade e a vida. Não adoramos vários deuses, mas um único Deus.

Quando você entende a divindade de Cristo, você é levado a ter uma relação perfeita com Deus, ao ponto de você expressar o seu amor, dizendo – Aba, Pai – você não está tratando com vários, mas com um único Deus.

Então, por que há tantas dúvidas, e se fala de trindade celestial, de santíssima trindade?  Amados, isto é um véu obscurantista de legalismo.  Quem tem este véu legalista não consegue ver e conhecer as múltiplas evidências da divindade de Cristo. Por isso, precisamos crer na Bíblia. A Bíblia é infalível.

João acaba de dizer que estamos no verdadeiro, e o verdadeiro Deus é Jesus Cristo. Você não pode ter qualquer tipo de dúvida ou interrogação. Isso era o que dominava a mente de Tomé.

Jesus é Deus e Senhor

João 20:28 Respondeu-lhe Tomé: Senhor meu e Deus meu!

Veja, ele não disse a um terço da divindade: – Jesus, tu és o filho, mas há um Pai que te comanda.

Sabe, quem tem esta ideia de que o Pai é quem comanda e o Filho simplesmente obedece são as falsas testemunhas de Jeová. Eles não conhecem as manifestações de Deus – a do Pai na criação, a do Filho na redenção, e no dia de pentecostes a do Espírito Santo. E Paulo diz – o Espírito é o Senhor.  Tomé disse – meu Deus e meu Senhor. E este reconhecimento que Deus quer que você tenha hoje.

Você não pode imaginar que lá em cima tem um trono com o Pai velhinho.  A palavra diz que, quando Jesus veio à terra, o trono ficou vazio. Ele desceu do trono, e se fez carne. Cumpriu seu ministério e voltou ressuscitado ao seu trono. Veja o que diz João, que estava desterrado numa caverna na ilha de Patmos, nas costas da Grécia. 

No céu só existe um trono

Apocalipse 4:2 Imediatamente, eu me achei em espírito, e eis armado no céu um trono, e, no trono, alguém sentado;

Um trono e alguém sentado no trono. Ele não viu 3 tronos, nem 3 pessoas, mas um trono e alguém no trono. Ele viu Jesus.  Tudo lhe pertence.  Ele rege as nações com vara de ferro.

Por isso, você precisa conhecer esta revelação com profundidade. O pensador Leo Scarol disse: Quando não se sabe aonde quer chegar qualquer caminho serve.

Então, eu não posso viver uma religião apenas, eu tenho de viver uma vida.  Jesus disse – vim trazer vida e vida em abundância. Ele não disse – eu vim trazer regras doutrinais, um cajado sobre você.

Jesus não veio trazer uma vidinha, mas uma vida poderosa, abundante, forte, vigorosa, de ousadia. Então para eu ter esta vida espiritual perfeita eu tenho de entender que Jesus veio dar vida.

Colossenses 2:9 porquanto, nele, habita, corporalmente, toda a plenitude da Divindade.

Veja uma coisa, até a manifestação de Filho, Deus não tinha um corpo. Ele vive em regiões inacessíveis, no terceiro céu, ninguém o pode ver, diz a palavra de Paulo a Timóteo. Até que um dia ele se fez carne. E diz que nele habita corporalmente – quer dizer que, naquele corpo, não estava apenas o Filho, nem a terça parte da trindade, mas toda a plenitude da Divindade.

Todas as manifestações de Deus estão em Jesus

Todas as manifestações do AT, El-Shaday, El-Elohim, Jeová-Nissim, Jeova-Rafá, Jeová-Jiré, todas estas manifestações estão na plenitude da Divindade que está em Jesus.

Hebreus 1:3 Ele, que é o resplendor da glória e a expressão exata do seu Ser, sustentando todas as coisas pela palavra do seu poder, depois de ter feito a purificação dos pecados, assentou-se à direita da Majestade, nas alturas,

Cristo é o resplendor da Glória de Deus. É a expressão exata de Deus, do seu Ser, da sua natureza, da sua essência. O Cristão precisa ter certeza, convicção disso. Porque João diz que viu no céu um trono e, no trono, alguém assentado. E agora Paulo diz que Jesus é a expressão exata de Deus e assentou-se à direita da Majestade.  Então deve haver alguém à esquerda da Majestade.

Então, amado, aqui é que entram dúvidas, questionamentos e muitos pregadores se arvoram em exegetas bíblicos afirmam que aqui a Bíblia está falando da trindade celestial. Mas nós temos que entender o que significam as palavras da Bíblia Sagrada.

Mas João tinha razão, ele viu somente um trono. E quando a Bíblia diz que Jesus se assentou à direita da Majestade – direita, mão direita, destra – estas palavras tem um único significado: Significa que Jesus está investido na plena e total autoridade de Deus.

Veja que Jesus é a expressão exata do seu Ser – Expressão, do grego, Upostasis = Substância, essência. Foi por isso que Jesus disse – Eu e o Pai somos um.  Então, Ele está assentado à direita da Majestade, Ele está investido na plena e total autoridade daquele que é a Majestade, aquele que é o Rei de reis, o resplendor da glória, Ele é o Fiel, Ele é o Senhor de senhores, Ele é a brilhante Estrela da Manhã, Ele é Deus sobre tudo e sobre todos, o Todo Poderoso, Ele é o meu Deus e meu Senhor.

Amado, creia desta forma, e não se sinta atraído por outros ensinamentos que são filosofias vãs. E eu quero compartilhar alguns pensamentos especiais. Em primeiro lugar, nós devemos adorá-lo como Deus.

Adorar a Jesus como Deus

O que significa adorar? Adorar é uma entrega sacrificial, é um ato de renúncia, é curvar-se, inclinar-se, ajoelhar-se, é reverenciar, e a Bíblia dia no original até beijar.

Mateus 14:33 E os que estavam no barco o adoraram, dizendo: Verdadeiramente és Filho de Deus!

Então temos que adorar a Jesus. Os discípulos também o adoravam.  E veja que os anjos também tem de adorá-lo. 

Hebreus 1:6 E, novamente, ao introduzir o Primogênito no mundo, diz: E todos os anjos de Deus o adorem.

É preciso entender o significado da adoração, da glorificação. É necessário que você renuncie o teu eu totalmente, para que Jesus seja adorado. A Bíblia diz que Deus procura os verdadeiros adoradores, aqueles que o adorem em espírito e em verdade. Por isso, a minha adoração não pode ser algo restrito, pequeno, limitado. Eu tenho de ter uma adoração total, verbalizada, com gestos, com meu corpo, com minha voz, com todo o meu ser, eu tenho de adorá-lo como Deus.

Adorar a Jesus Como Único Deus

Em segundo lugar, precisamos entender que as nossas orações não são para 3 deuses.  Nós não somos politeístas, somos monoteístas. Adoramos um único Deus. Veja que Jesus ensinou a orar diretamente a Ele.

João 14:12 Em verdade, em verdade vos digo que aquele que crê em mim fará também as obras que eu faço e outras maiores fará, porque eu vou para junto do Pai. 

João 14:13-14 E tudo quanto pedirdes em meu nome, isso farei, a fim de que o Pai seja glorificado no Filho. 14 Se me pedirdes alguma coisa em meu nome, eu o farei.

Quer dizer que, quando eu oro com conhecimento, eu peço – em nome de Jesus.  Ele não disse – peça à mãe, que ela pede ao filho e ele pede ao pai. Não existe isso aqui.  Deus estabeleceu as regras da oração. É importante que você saiba como a nossa relação de oração foi estabelecida por Deus. As orações tem que ser feitas, dizendo sempre – em nome de Jesus.

Eu não tenho que fazer uma oração ao Pai, depois me dirijo ao Filho e depois ao Espírito Santo. O nome de Jesus é suficiente. Nós dizemos que Jesus é o nosso suficiente Salvador. Então Ele é suficiente.  Por isso foi que Ele disse – peça em meu nome. Jesus é a expressão exata do seu Ser, é a essência da Divindade. Por isso minhas orações, minha adoração devem ser a Ele e somente a Ele.

Honrar a Jesus como Deus

Em terceiro lugar, devemos honrá-lo como Deus. 

João 5:23 a fim de que todos honrem o Filho do modo por que honram o Pai. Quem não honra o Filho não honra o Pai que o enviou.

Então, já entendemos o significado da adoração. Mas também temos de entender o significado da honra. Você não pode estar aqui no culto, a igreja toda louvando, exaltando, levantando as mãos, e você cruzar e achar que está honrando a Deus.  Quando chegamos à igreja, todos nós viemos algemados pelo pecado, presos pelo mundo. Mas quando ouvimos a palavra da verdade, fomos libertos.

O Senhor disse – Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará. Então as correntes, as algemas foram quebradas.  Então quando dizemos – levante suas mãos para o céu, levante, cante, louve, exalte, e você faz isso, é uma atitude de quem está livre, liberto, sem prisões.

Não há relação com Deus sem adoração, sem honra. Eu não venho à igreja com medo do inferno e do diabo. Eu venho à igreja para adorar, para honrar o meu Deus.  Quando eu canto, louvo, eu adoro a Deus. Quando eu dizimo eu honro e adoro a Deus. Tenho que dar honras a Deus. Honras a Deus!

Quarto lugar, saiba que Deus não divide sua glória com nada, com ninguém e, muito menos, com ídolos. A falta deste conhecimento não permite que a pessoa seja livre. João diz – se o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres. Quer dizer que, se não for o Filho a me libertar, verdadeiramente não serei livre.  Imagine, eu fui católico romano até os 32 anos. Aí comecei a ter um pouco de conhecimento de Deus. Mas ainda estava na igreja católica.

Purgatório não existe

Eu fui do tempo em que a missa era em latim, e o padre rezava a missa de costas para o povo. Se em português já é difícil entender certas coisas, imagine então em latim.  Eu era coroinha, rezava o Confiteor (decorar isso era o terror dos coroinhas) e não entendia nada. Eu não tinha uma relação com Deus. Eu não o conhecia corretamente. E a igreja romana não tinha respostas para as minhas indagações, a não ser algumas falsidades religiosas.

Eu acreditava em purgatório, um lugar para onde eu iria se morresse com algum pecado venial. E então mandariam rezar uma missa de sétimo dia para me perdoar esses pecados e só então eu poderia ir para o céu. Mas depois fui descobrir que purgatório na está na Bíblia. A Bíblia diz que cabe ao homem morrer uma só vez e depois disso vem o juízo. Se morrer com Jesus, vai para o seio de Abraão. Se morrer sem Jesus vai para um lugar consciente de sofrimento, que se chama inferno.

O acerto de contas com Deus não se faz num purgatório. O acerto de contas com Deus se faz na igreja de Jesus. Acontece quando você vem à igreja, ouve a palavra da verdade, recebe Jesus, crê com o coração, confessa com a boca, e a Bíblia diz que você é salvo para sempre. Você é transformado, curado. Mas tudo isso tem que acontecer aqui na terra e não no purgatório.

Infalibilidade papal não existe

Outra coisa errada que me ensinaram – a infalibilidade papal – não existe infalibilidade no homem. Porque todos pecaram e todos carecem da glória de Deus. Não existe infalibilidade. Ensinaram que o celibato era a forma de servir a Deus. Mas Paulo ensina a Timóteo que quem deseja o episcopado excelente obra almeja, mas tem que ser marido de uma só mulher.

Eu aprendi tudo contrário e isso fazia confusão na minha cabeça. Eu era apenas um religioso. Eu servia a Maria, à aparecida, ao perpetuo socorro, a santos, eu era um homem confuso na minha mente espiritual. Eu tinha medo do inferno, medo de Deus, medo do diabo, tinha superstições, era escravo do mundo.  Mas um dia, em 1993, eu comecei a conhecer a verdade da graça de Deus, e a verdade me libertou. E a mente de Cristo entrou na minha mente. E o meu coração foi circuncidado pela palavra. E agora, já não sou eu quem vive, é Cristo que vive em mim.

Amado, quem não tem a mente de Cristo está sujeito aos dardos inflamados do inimigo.  Hoje a gente vê a humanidade cheia de doenças terríveis na mente e nas emoções. Doenças psicossomáticas.

O que aconteceu com Robin Williams

Vocês lembram de Robin Williams? Um homem que encantava todo mundo, fez filmes tão bonitos, Uma Noite no Museu 1, Museu 2, Museu 3, Uma babá quase perfeita, Sociedade dos poetas mortos, Gênio indomável, A Volta do Capitão Gancho… E, de repente, a notícia de que esse homem famoso tinha se enforcado.

Dois anos de buscas, as pessoas queriam uma resposta – por que aconteceu isso? E finalmente a sua esposa veio a público e disse: – Olha, o meu marido tinha dentro do seu cérebro um verdadeiro terrorista. Algo que o aterrorizava, algo que deixava sua vida numa verdadeira demência. Ele não usava drogas. Mas ele tinha uma doença que gerou uma degeneração cerebral. Olha o perigo da pessoa que não tem Jesus. Ela tem insônia, tremores, ansiedade, perda de memória, acessos de loucura, depressão profunda, uma confusão extrema em sua mente.

Nós entendemos que isso são dardos inflamados do maligno. Mas a verdade é que isto gera uma profunda e dolorida vida de sofrimento. E a esposa de Robin Williams disse: – O homem mais valente do mundo estava vivendo os momentos mais difíceis da sua vida. Ele foi capaz de viver um final de semana maravilhoso com sua família, comeu, bebeu, amou sua esposa, disse – Tchau, meu amor, vou dormir. E no dia seguinte, quando a esposa o encontrou, ele estava enforcado.

A esposa contou que ele fazia um esforço sobre-humano para memorizar alguma coisa, ele perdeu a mente. Tinha uma doença neuro degenerativa progressiva no seu cérebro. Uma confusão mental, uma desorientação, às vezes, lúcido, às vezes, alucinado. Que vida esse homem vivia! A gente o via nos filmes e o aplaudia, mas ele estava vivendo um terrorismo mental.

A Mente de Cristo

E eu quero dizer à igreja de Jesus – quando você entende esta palavra, Deus tira a sua mente humana carnal e põe a mente de Cristo e a mente de Cristo não passa por demências.

Eu recebo cura neste lugar, eu creio que a mente do povo da Igreja Cristo Vive, por causa desta graça maravilhosa, é a mente de Cristo.  Você não ficará nunca com perda de memória, com dificuldade de memorizar as coisas, com insônia, com tremores, um dia bem, outro dia mal. Isto não é vida e a vida com Jesus é de abundância.

Eu não recebo que alguém deste ministério tenha confusão mental, desorientação, declínio mental, alucinações, vida desorientada.  A Bíblia diz que nós temos a mente de Cristo. Envelhecemos porque é natural, mas não aceitamos degenerações. Não aceitamos vida desorientada.  Isso é muito triste, mas nós não nos entristecemos, porque a alegria do Senhor é a nossa força, disse Neemias.

Amados, eu creio numa qualidade de vida física que é resultado de uma vida espiritual. Você cresce na graça e no conhecimento de Deus quando alimenta sua mente com a palavra. Quando você ama a Bíblia, a mensagem, a pregação, a sua mente não envelhece. Você não sofre de delírios, de tremuras, de alucinações, você não vai se esquecer onde é a igreja, nem do nome do seu pastor, nem dos seus familiares, nem de nada.

A Idolatria é abominação para Deus

Porque nós temos a mente de Cristo. Nós pensamos como Deus pensa. E Deus disse que não divide sua glória com ninguém. E quando não se conhece Deus na sua essência, o homem segue um caminho de loucura, de abominação que é a adoração de ídolos, em vez de adorar o Criador. Veja o que disse o profeta Isaías em…

Isaías 44:14 Um homem corta para si cedros, toma um cipreste ou um carvalho, fazendo escolha entre as árvores do bosque; planta um pinheiro, e a chuva o faz crescer.

Isaías 44:15  Tais árvores servem ao homem para queimar; com parte de sua madeira se aquenta e coze o pão; e também faz um deus e se prostra diante dele, esculpe uma imagem e se ajoelha diante dela.

Isaías 44:16  Metade queima no fogo e com ela coze a carne para comer; assa-a e farta-se; também se aquenta e diz: Ah! Já me aquento, contemplo a luz.

Agora aqui eu quero que você tenha evidências objetivas e claras. Porque está falando de um deus com letra minúscula.

Isaías 44:17  Então, do resto faz um deus, uma imagem de escultura; ajoelha-se diante dela, prostra-se e lhe dirige a sua oração, dizendo: Livra-me, porque tu és o meu deus.

Isaías 44:18  Nada sabem, nem entendem; porque se lhes grudaram os olhos, para que não vejam, e o seu coração já não pode entender.

Isaías 44:19  Nenhum deles cai em si, já não há conhecimento nem compreensão para dizer: Metade queimei e cozi pão sobre as suas brasas, assei sobre elas carne e a comi; e faria eu do resto uma abominação? Ajoelhar-me-ia eu diante de um pedaço de árvore?

Isaías 44:20  Tal homem se apascenta de cinza; o seu coração enganado o iludiu, de maneira que não pode livrar a sua alma, nem dizer: Não é mentira aquilo em que confio? 

Estamos diante de uma realidade. Há pouco vimos João dizendo – Fuja dos ídolos. Guarde-se dos ídolos. Porque a tendência do ser humano é ter ídolos. O inimigo quer que você tenha uma abominação e uma mentira na sua vida. Quando eu era católico eu me ajoelhava diante de cruzes, diante de imagens, eu me alimentava de cinzas.

Como é que alguém pode pegar um pedaço de madeira, faz fogo, queima, assa carne, assa pão, se aquenta; depois pega outro pedaço, esculpe uma imagem, se ajoelha diante dela, faz uma oração e diz – meu Deus.

Veja, a pessoa que faz isso não pode entender, porque é uma abominação, está confiando numa mentira. E se você serve a uma abominação você é escravo. Por isso, Deus não divide a sua glória com ninguém.  Ele quer ser adorado e só Ele pode ser adorado. Ele quer ser honrado, e só a Ele a honra.

Você sabe, às vezes, os cristãos fazem seus ídolos. Tem gente que o ídolo é o carro. E adora o carro. Outros, a esposa. E adora a esposa. Outros, um filho, uma filha. E adoram os filhos. E outros, é a casa de praia. E vão à praia e nunca mais vão à igreja, porque tem de adorar a casa da praia.  Amados, igreja é o lugar de cura, de libertação, lugar de expressar a fé, de estar junto com os irmãos.

Meu irmão, não idolatre o seu pastor, o seu bispo. Porque isso é comum entre o povo de Deus. E não sei se você sabe, mas há líderes evangélicos que adoram ser adorados.  Mas saiba, isso não é correto, porque Deus não divide a sua glória com ninguém.  Não adore homens, não adore lugares. O único que tem de ser adorado, louvado, exaltado, glorificado, engrandecido, é o Senhor Jesus Cristo. É Ele, o único e Soberano Deus, não há outro nome.

A relação do cristão com seu pastor

– Bispo, e como tem de ser a minha relação com o senhor?

Amado, nossa relação tem de ser de respeito e de amor. Eu entendo perfeitamente a minha vocação, o meu chamado para o altar. Eu também vou te amar, te respeitar. Admiramo-nos uns aos outros, e ponto. Não avançamos alem disto, o mais é idolatria, é abominação. A Bíblia diz – foge da idolatria.

O bispo é um homem como qualquer homem. Eu tenho apenas uma vocação pastoral e episcopal. Mas tenho as mesmas dores que você tem, eu sofro o mesmo que você, tenho as mesmas angústias, mas tenho uma fé tremenda e uma confiança total em Deus. Mas eu sou igual a você, meu irmão.

Eu não sou deus de ninguém, eu sou um homem de carne e osso como você. Sou de pó como você é e sou casado com a bispa. A Bíblia diz que quem deseja o episcopado tem que ser casado com uma mulher.

Então, as nossas orações são de adoração ao único Deus. As nossas orações são feitas em nome de Jesus. A nossa honra é dada somente a Ele.  Entendemos que Ele não divide a sua glória com nada nem com ninguém. O profeta disse – que é o homem? É como a flor da erva. Nasce de manhã, o sol do meio-dia queima e o vento da tarde leva.

Para terminar eu quero lhe dizer – o nosso Deus é um Deus de vitorias. Os seus olhos estão sobre os justos. Seus ouvidos estão inclinados à oração e ao clamor do seu povo. Creia nele como Único e Soberano, como Senhor. Não admita ídolos na sua vida.  O teu carro não é deus porque ele se desfaz. Homens não são ídolos.  Tua esposa, teu marido não podem ser ídolos. Teus filhos não são ídolos.

O único que deve realmente ser idolatrado e adorado é Jesus Cristo. Ame-o com todo o seu coração, com toda a sua alma, com todo o seu entendimento, com todas as suas forças, porque para isso você foi criado. É assim que você viverá uma vida vitoriosa, porque foi para isso que o Senhor nos chamou.

Diga: – Jesus, eu te amo. Eu te amo, meu Deus.  Eu te amo, meu Senhor. Eu te amo, Jesus.

Amém, e Amém, e Amém!!!   E que Assim Seja, porque Assim Disse o Senhor.

Um Presente Para Você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *